quarta-feira, 6 de maio de 2009

Todos os tipos de Crise - only 11 days

Chega de ficar quebrando a cara com os velhos erros
Eu quero cometer erros novos
Passar por situaçõs diferentes,
situações desconhecidas
sair da rotina e do lugar comum
Esse ano eu preciso crescer!
chega de saber a saída e ficar parado na porta
ensaiano os passos sem nunca entrar na estrada
esperando que me venha o que eu preciso encontrar
Esse ano se eu tiver que sofrer será por sofrimentos reais
- nunca mais por males imaginários
preocupado com coisas que jamais acontecerão!
Chega de planejar o futuro e tropeçar no presente
Chega de pensar de mais e fazer de menos
Chega de pensar de um jeiro e fazer de outro
Chega do corpo dizer sim e a cabeça dizer não
Chega desses intermináveis conflitos
que me fazem adiar para o nunca a minha decisão
Este ano eu vou viver.

Vinícius de Moraes


Toda au pair uma hora ou outra se encontra com esse texto, talvez porque ele defina tão bem o que nós sentimos, o que nós queremo para o ano que vamos começar.
A mudança é inevitavel nós quremos crescer e ser nós mesmas.

Hoje o dia está tenso, aliais a semana está tensa... eu penso que as coisas estõ dificeis assim porque estou frágil, eu sou menina, estou sensivel com a mudança ... pensar em como vai ser bom estar lá é uma motivação, mas pensar nas pessoas que vão ficar aqui é triste.
Crise no namoro, agor é a hora de decidir o que fazer... é dificil ficar tranquila.
De quanlquer modo , seja o que for de uma coisa eu sei , ESSE ANO EU QUERO VIVER !

2 comentários:

Mari Nakatani disse...

OOi Betariz, sou eu Mariana Nakatani, tenho vc no orkut! vi seu blog na comuna e vim dar uma espiadinha, acho q vou fazer um tb, a Kaka me deu a ideia!! adoro esse poema!! bejuss e dia 17 vamos q vamos

Kaká disse...

Ai guria, sei bem como tu te sente... Hoje saí com minhas amigas de tarde e me deu um aperto no coração... É muito estranha essa sensação, it a alguns lugares e pensar que talvez tu só pise lá de novo daqui 1 ano... Bem complicado, mas eu acredito piamente que tudo isso é compensado pelo que a gente vai viver nesse ano que logo começará :)
Beijoo